quarta-feira, 11 de junho de 2008

Penso nas quintas, sextas e domingos também, penso no mar, na chuva, nos vermelhos, penso em flocos com chocolate, em fazer um filme, em pinhais e Jorge Vercilo. Penso na tua mão no meu cabelo, no fio do meu cabelo que compões a tua blusa, que encosta no teu peito, que escuta o teu coração, o mesmo coração por onde pulsa o meu sangue, o mesmo sangue que impulsiona as minhas asas.

Penso em milhões de precipícios e sempre em me jogar de um deles, penso nos teus olhos entreabertos, na tua mão pelo meu braço, no teu abraço.

Fico pensando no teu cheiro e na tua cara de bobo quando eu digo que te amo, na tua cara de bravo quando fingi ter ciúmes, nessa cara de chato quando quer me provocar. Penso na tua boca, e em nunca mais parar de te beijar, penso no por quê não canso de te beijar. Penso em ficar contigo só pra mim, penso em te roubar, em maltratar, em provocar e em te provar que aqui, nos meus braços, é que é o teu lugar.

Penso em te casar comigo e em mim, penso em te odiar por me fazer pensar tanto assim, penso, por um segundo. Penso no quanto sou feliz, estou feliz, no quanto você me faz assim. em como você faz cada dia especial, cada hora em minuto e cada doze em um dia diferente.

Pensando bem, não sei como você consegue adivinhar meus pensamentos e me dá todos os dias mais do que eu pedi, se dá pra mim. Penso sempre no que ganho se ficar e nunca pensei em partir.

Penso, eu só penso.

No quanto você ainda é especial por ser exatamente assim, lindo. E mais, penso no porque você ainda pensa no que eu penso quando te beijo...

3 comentários:

Larissa Di Leo disse...

O que não faltam são motivos pra pensar quando tow contigo...
Brigada por esses dois meses.

O Faxineiro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Claudio disse...

Lari...

poxa...

q lindo =]

Tow aqui sem palavras...

num sei o q dizer, num sei o q fazer, soh sei sobre a vontade q tenho agora...

de t abraçar e t beijar =]

te amo